O auditório da Escola Normal foi palco de palestra para centenas de estudantes de Engenharia Civil e Arquitetura e Urbanismo da Funorte, na última sexta-feira, 11 de maio. O evento “Engenharia Civil em Ação” objetivou ampliar os conhecimentos dos acadêmicos. A palestra com o tema “Estrutura do concreto em situação de incêndio” foi ministrada pelo pós-doutorando em Engenharia Civil, Carlos Amado Britez.

Segundo o diretor das Engenharias Integradas Funorte, Pedro Almeida, o foco do evento é contextualizar o ensino e atualizar o conhecimento dos estudantes. “O tema da palestra é importante na formação do Engenheiro Civil: para consultorias, perícias e ensaios nas suas atividades acadêmicas e profissionais. Trata-se de um tema atual, que foi muito divulgado pelos meios de comunicação na divulgação do Prédio que caiu em SP. Para a formação dos acadêmicos contribui muito, porque sempre buscamos abordagens de palestrantes doutores nos mais diversos assuntos da Engenharia Civil, e isto, vai além do que é discutido em sala de aula contextualiza através dos exemplos, dos estudos de casos e das situações/problema o conhecimento tecnológico necessário à formação significativa dos acadêmicos”, enfatizou.

A coordenadora do curso de Engenharia Civil Maria Aparecida Patto, também frisou sobre a atualidade do tema e da importância de sua abordagem. “É um evento importantíssimo tanto para os acadêmicos de Engenharia Civil quanto para os de Arquitetura. É muito produtivo para nossos estudantes terem a oportunidade de ouvir de um professor Doutor sobre concretos sujeitos à altas temperaturas, que foi, coincidentemente, o que aconteceu em São Paulo com o desabamento de um prédio e que este professor foi convidado a fazer parte da equipe de investigações. Então, é um assunto muito pertinente, que agrega muito conhecimento e traz estudos de casos, além de ser gratificante para a instituição receber um professor Doutor da USP, que é também autor de diversos livros”, ressaltou.

O caso informado, trata-se de desabamento do edifício de 4 andares, Wilton Paes de Almeida, no centro de São Paulo. O incidente, que ocorreu na madrugada do dia 1º deste mês, causou inclusive, a morte de pessoas que viviam no local.

O palestrante Carlos Amado Britez, pós-doutorando em Engenharia Civil e professor da USP, ressaltou que, “é um prazer vir aqui falar sobre um tema tão importante, mas que tem pouco espaço nas grades de graduações, e até mesmo, em doutorados. Vou falar sobre o concreto em situação de incêndios, que é um tema em evidência atual, mas o objetivo maior é transmitir conhecimento sobre o caso e habilitá-los a terem uma conceituação, pelo menos básica, que vai ajudá-los caso tenham que fazer inspeção em uma obra que já sofreu incêndio, vão aprender o que olhar e como chegar ao resultado”, destacou.

Ele elogiou, ainda, a estrutura do curso de Engenharia Civil Funorte. “Gostaria, inclusive, de agradecer a oportunidade de passar um pouco do meu conhecimento para estes acadêmicos. Visitei o campus JK, e vi que a Engenharia Civil é um curso de ponta, com laboratórios de excelente estrutura. Então, é um prazer poder ajudar na formação destes estudantes”, frisou.

Para Wagner Araújo Santos, acadêmico do 1º período de Engenharia Civil, “A palestra respondeu as minhas expectativas.Solucionei as minhas dúvidas e questionamentos e o aprendizado adquirido aqui com certeza irá me ajudar ao longo da minha formação e, principalmente, na minha carreira como engenheiro”, finalizou o estudante.

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *