Parcerias:

(38) 2101-9292
(38) 98407-1291

Funorte realiza videoconferência com infectologista para esclarecer dúvidas


  

Diante da epidemia do coronavírus, a Funorte e o Hospital das Clínicas Mário Ribeiro promoveramuma videoconferência com omédicoinfectologista doHospitalAlbertEinsteinedoInstitutodeInfectologia Emílio Ribas,ambosemSãoPaulo, Jean Carlo Gorinchteyn para esclarecer dúvidas da população. O especialista ressaltou que as temperaturas altas não matam o vírus, como tem sido muito propagado nas redes sociais, e confirmou que o Ibuprofeno não deveser usadoneste momento – melhor optar por paracetamol ou dipirona. A live realizada ontem, às 14h, durou mais de uma hora e contou com a participação de vários internautas, que enviaram perguntas para o médico. Ele respondeu a todas, de formamuitoclaraeobjetiva, o que agradou os participantes, que elogiaram a iniciativa da Funorte de realizar esse tipo de serviço.

“O brasileiro é muito emocional e precisa ser tocadoparaterumamudança de postura. Senti que ao interagir, mesmoqueon-line,comum profissional de referência, a empatia daquele momento toca mais as pessoas. Observei isso ao acompanhar os comentários e as pessoas fizeram perguntas muito interessantes e importantes. O principal dessa iniciativa é proporcionaraquelaviradinha de chave”, disse Daniela Mello, gestora da unidade de ensino da Funorte Shopping. Daniela destaca que um dos questionamentos que ainda gera muita dúvida é sobre a questão dos animais domésticos e alimentação.

Com relação aos animais, o médico respondeu que não há perigo, eles não transmitem o vírus e não precisam ser isolados. Quanto ao alimento, se ele foi preparado por alguém que esteja contaminadoeque,porventura,tenha recebido gotículas ao ser manuseado, estará contaminado.

A servidora Lecy Gomes acompanhou a transmissão.“Ébomassistiraumespecialista falando porque essa doença trouxe muita preocupaçãoatodasaspessoas.Ninguém estálivre da contaminação e eu vejo que quanto mais informação, melhor. Estou tomando os cuidados, fazendo a higiene e torcendo para que essa situação chegue ao fim o mais depressa. Masseiquedependemuito da atitude das pessoas. Faço a minha parte”, disse.

Os fundadores da Funorte, professores e médicos Ruy e Raquel Muniz, afirmaram que estão previstas maisvideoconferênciaspara esclarecer a população sobre o Covid-19. “Percebi que as pessoas ainda têm muitas dúvidas e o dr. Jean Carlo se comprometeu a nos auxiliar nesta interação com a população”, disse Raquel.

“A importância de trazermos a informação é para impedir a ideia de que (a doença) não é nada. Esse pensamento é que trouxe esse impacto. Temos que agir, estarmos juntos para conscientizar a população da necessidade de intensificar os hábitos de prevenção” Jean Carlo Gorinchteyn Infectologista.

 

Fonte: Márcia Vieira - Jornal O Norte 


Publicada em: 19/03/2020
101 Visualizações
Tags: