Parcerias:

(38) 2101-9494
(38) 98407-1291

Funorte faz convênio internacional com maior empresa de telecomunicações do mundo



Coordenador da Engenharia Elétrica Marcel Veloso


No último mês de novembro, o Centro Universitário Funorte fechou uma parceria com a multinacional Huawei. A Huawei, sediada em cidade ShenZhen, província de Guangdong na China, é fornecedora líder global de infraestrutura e dispositivos inteligentes de tecnologia da informação e comunicação (ICT) e a maior empresa de equipamentos para redes e telecomunicações do mundo.

A parceria, chamada ICT Academy, foi construída através de uma interlocução da Sul Americana de Metais (Sam Metais) e a Huawei através do Cristiano Duarte coordenador Socioambiental na Sul Americana de Metais S/A. A SAM é responsável pelo desenvolvimento do projeto Bloco 8, um grande empreendimento de extração de minério de ferro que será instalado no norte de Minas.

A notícia foi dada pelo coordenador do curso de Engenharia Elétrica do Centro Universitário Funorte, doutor Marcel Veloso Campos. Ele explica que a empresa está fechando uma parceria com algumas faculdades e universidades no Brasil.
“Em Minas Gerais, a Huawei só tinha parceira com Inatel, no sul do estado, e agora fecharam conosco, a partir de contato feito por mim e pelo professor das Engenharias Mestre Paulo Fernando F Maciel. Essa parceria, chamada Huawei ICT Academy, permite que tanto professores como alunos façam todos os cursos da plataforma deles, como treinamentos e uma infinidade de tecnologias e de ferramentas, totalmente gratuito. Faremos a gestão desta plataforma, sendo que primeiro faremos o treinamento dos docentes e futuramente dos alunos que tiverem interesse. Esse é o primeiro fruto dessa parceria. Imagine por exemplo, um software que é pago, e termos acesso a ele de forma gratuita. É como se fosse uma universidade on-line, e aí teremos acesso ilimitado e gratuito a esses cursos”, contou.


Professor Doutor Marcel explica ainda que o segundo fruto da parceria com a Huawei, é o processo seletivo que a multinacional faz entre as instituições brasileiras parceiras, para seleção de acadêmicos e posterior inserção desse aluno na cultura chinesa, fazer treinamento na Huawei, uma vez que o aluno selecionado vai para China e permanece lá por três semanas. “Esse ano, a Huawei fez a seleção no Brasil inteiro entre as faculdades da ICT Academy e mandamos três vídeos em inglês, sendo dois da Engenharia Mecânica e um da Elétrica, e o Mateus foi selecionado. Ele não poderá ir a China agora, por conta da pandemia, e os cursos serão on-line, mas futuramente, entendemos que ele irá juntamente com os estudantes de outras faculdades do Brasil”.


Para Marcel, a parceria é uma internacionalização da Funorte, de grande importância, que permitirá vários frutos para a comunidade acadêmica.


Publicada em: 09/12/2020
615 Visualizações
Tags: