O colégio Indyu, da rede Soebras, além de ser uma instituição educadora que tem a função de lapidar o aluno para que seja um futuro cidadão, busca incentivar os atletas/estudantes a promoverem o esporte. A aluna Ellen Mayra Durães Prates está no segundo ano do ensino médio e conta que pratica natação há 12 anos. Neste trajeto, já vivenciou diversas experiências consideráveis no esporte.

“Meus pais colocaram eu e minha irmã na escola de natação desde cedo, pois queriam que nós duas praticássemos exercícios, pois eram preocupados com nossa saúde, corpo e mente. Durante este processo, eu passei a tomar gosto pelo esporte e até hoje eu o pratico”, comenta a aluna.

Ellen tinha 6 anos de idade quando participou do seu primeiro campeonato. “O mais curioso é que meu adversário foi um garoto e acabei ganhando dele mesmo assim. Eu fiquei nervosa, principalmente na hora do balizamento (preparação antes de competir), mas, a partir do momento que eu entrei em contato com a água, me senti mais calma e familiarizada”, diz a atleta.

Passado algum tempo, ela participou do campeonato municipal “Copa MG Esporte”, que era dividida em cinco fases. “O mais gratificante é poder adquirir novas experiências e cultivar novas amizades”, fala.

A atleta conta que durante os doze anos de esporte, perdeu apenas uma vez, na final da copa MG, mas leva alguns aprendizados e valores. “O esporte é importante, pois aprendemos a ter maturidade, a lidar com o universo de fora de forma mais dinâmica, aprendemos a ganhar e também perder”. Nas últimas competições do JEMG, Ellen conquistou a primeira colocação, obtendo medalha de ouro e bronze (na etapa estadual), fora a Copa Sesc, que ganhou em primeiro lugar.

Ellen também foi convidada para carregar a tocha olímpica em Montes Claros. A seleção foi feita através do site da Coca-Cola, no qual sua mãe fez a inscrição contando um pouco de sua vida de atleta. “Levar o símbolo das olimpíadas foi muito importante, além de ter sido uma experiência para minha vida”, conta.

A estudante não pretende seguir carreira como nadadora profissional, pois pretende ingressar no ensino superior, mas afirma que levará a natação consigo para onde for e estará sempre praticando o esporte, mesmo que seja como um hobby. “Nós nunca devemos desistir de nossos sonhos e sim lutar por eles. No fim, conseguimos realizá-los”, finaliza Ellen Mayra.

Victor Araújo

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *