O Ímpar – Escola de Criança vem promovendo trabalho de incentivo e resgate de brincadeiras antigas no período de intervalo das aulas. Durante a semana, professores e demais colaboradores acompanham os alunos no recreio, com intuito de orientá-los e propor um objetivo as atividades.

Para a professora Daniela Guedes, o resultado do recreio dirigido tem sido satisfatório. Os alunos vêm recebendo incentivo para ampliar o conhecimento da forma que eles mais gostam. “Eles ficam o tempo todo com atividades a serem realizadas, às vezes eles até reclamam que não conseguiram participar de todas as brincadeiras de uma vez”, enfatiza.

O acompanhamento dos profissionais da escola no recreio fortalece a segurança das crianças no pátio, evitando com que elas se desentendam ou se machuquem. Para a diretora do colégio Ímpar, Fernanda Tavares, esse ambiente tem função de fornecer uma interação orientada para as crianças. “Hoje temos um número muito significativo de alunos ao longo do recreio, diante disso, buscamos algumas estruturações do pátio visando ter um monitoramento dessas atividades e desse momento”, disse.

No recreio são oferecidas brincadeiras como elástico, dança, brincadeiras de rodas, peteca, pula corda, bola, bola de queimada e várias outras. Em cada brincadeira há um instrutor para acompanhar e auxiliar os alunos. A escolha da atividade fica a critério da criança, a que ela mais gostar poderá praticar.

A dança é uma das atividades que mais chamam a atenção dos alunos, uma vez que permite que elas percam a timidez, deixando-as mais descontraídas. Para a professora de dança, Bruna Santana, esse momento faz com que as crianças saiam da rotina, permitindo um ambiente mais prazeroso. “É tão bom que todos os dias eles ficam me cobrando, principalmente nos dias em que a dança não acontece” ressalta.

A professora de Educação Física do colégio, Giselle Beatriz, destaca que, a importância dessas atividades físicas está na coordenação motora global, habilidades motoras, equilíbrio e lateralidade. A aula de educação física também colabora para o Recreio Dirigido. “O planejamento das minhas atividades é feito mensalmente e procuramos trabalhar uma habilidade motora por aula, e isso é perceptível nos finais de semestre contribuindo para outras ações do dia a dia”, explica.

 

Marcus Braz

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *