A Faculdade possui diversos projetos que incentivam o uso medidas sustentáveis

Com o intuito de melhorar a qualidade e vida do meio ambiente a Funorte propõe diversas medidas de sustentabilidade como o “Projeto Funorte Sustentável”, que substitui copos descartáveis por canecas sustentáveis, ou, até mesmo, a substituição de vassouras comuns pelas naturais; feitas com galhos de árvores; e o uso consciente de produtos de limpeza, entre outras ações. Recentemente, a instituição adotou projeto que visa a troca de lâmpadas convencionais pelas de LED, atitude pensada com o objetivo de proporcionar melhor economia de energia.

A engenheira civil da Funorte, Diana Sacramento, ressalta a importância da adoção da medida. “A troca de lâmpadas convencionais pelas de LED constitui-se de uma ação sustentável e eficiente, pois promove um baixo consumo de energia, não gera nenhum elemento poluente podendo ser até 100% recicláveis, não emite radiação ultravioleta e infravermelho, não causando nenhum risco a saúde e duram até 25 vezes mais que as incandescentes e 3 vezes mais que as fluorescentes.  Portanto, além de trazer economia e durabilidade, as lâmpadas de LED são totalmente sustentáveis e ecologicamente corretas, pois não possuem metais pesados, como o mercúrio, não causando assim, agressão ao meio ambiente”, destacou a engenheira.

Dentre os campus beneficiados com a ação, estão a Funorte JK, São Luís, Amazonas, São Norberto, Hospital das Clínicas Dr. Mário Ribeiro, Hospital Veterinário Renato Andrade, Colégio Ímpar e Colégio Indyu. Diana frisa, ainda, toda a economia que é possível ter por meio desta troca. “As lâmpadas de LED geram uma economia de até 90% no consumo de energia elétrica em relação as lâmpadas convencionais, pois convertem mais de 80% da energia consumida em luz, ao invés de calor, promovendo um baixo aquecimento do local onde estas luminárias estão instaladas, gerando um ambiente arejado e confortável, reduzindo consequentemente, a utilização do ar condicionado”, ressaltou.

Diana reforça, também, os benefícios que o consumo consciente de energia traz para o meio ambiente. “Sabe-se que o país tem buscado alternativas energéticas e apresenta a necessidade de independer de fontes tradicionais de energia, está aí a importância de se aderir as práticas sustentáveis, contribuindo com a preservação do meio ambiente e ainda explorando as fontes de energia renováveis. Desta forma, as práticas cotidianas são bastante expressivas, quando avaliada como um todo”.

Segundo a engenheira, “com esta medida, a Funorte terá benefícios como geração de economia, o reconhecimento como uma empesa sustentável, que se preocupa com o meio ambiente e promove a conscientização ambiental”, finalizou Diana.

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *