Egresso do curso de Enfermagem Funorte, Diego dos Santos Silva foi aprovado, recentemente, em Residência Multiprofissional em Urgência e Emergência pelo Hospital João XXIII (HJXIII), de Belo Horizonte. Feliz com a aprovação, o estudante ressalta que a Funorte foi uma das responsáveis pelo resultado e destaca os motivos pelos quais escolheu estudar na instituição. “Minha graduação teve um auxílio altíssimo para minha aprovação, pois desde o início, os professores cobravam um estudo mais profundo, utilizavam referências sempre atuais e nos incentivavam a buscar esses conhecimentos de tudo que era novo”. E completa: “Escolhi estudar na Funorte devido a qualidade do ensino, expansibilidade dos campus universitários, corpo docente altamente capacitado e pelo prestígio que a faculdade possui pela comunidade”, explica o enfermeiro.

Diego cita que se preparou para tentar uma vaga na residência desde que se formou, em 2017. “Comecei a prestar processos de seleção para residências em Urgência e Emergência de algumas instituições de ensino, desde que me graduei. Fui reprovado em dois processos seletivos, mas não desanimei. Continuei firme no que eu queria alcançar e busquei me dedicar cada dia mais com vídeo aulas, artigos, casos clínicos e revisão de conteúdos vistos durante a graduação, até que em janeiro de 2019 consegui a tão sonhada e esperada aprovação”, afirma.

As atividades programadas para a residência em que foi aprovado iniciaram em março deste ano. O residente ressalta as habilidades que serão praticadas durante a experiência. “Minha Residência ocorrerá no próprio Hospital João XXIII (HJXIII) e nas instituições de saúde que possuem vínculo com a FHEMIG (Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais), que gerencia o HJXIII. Dentre os campos de atuação da residência encontra-se as Unidades Básicas de Saúde, Unidades de Pronto Atendimento, SAMU e as Alas de Internação do próprio hospital (UTI adulto, UTI neonatal, UTI de queimados, pronto socorro, enfermarias, dentre outros)”, concluiu o enfermeiro.

Ter formação especializada, através da residência, é o objetivo de grande parte dos profissionais da área da saúde. Diego frisa a relevância que esta conquista terá em sua carreira. “A residência será de grande valia, tanto pessoal quanto profissional. Pessoal porque é a realização de um sonho e profissional porque imerge num mundo de conhecimento totalmente diferente. A associação entre o que fazer, quando fazer e como fazer fica mais perceptível, a destreza em realizar certos procedimentos é adquirida a cada dia em campo,  além de obter uma visão integral de como agir adequadamente na respectiva área de escolha de sua atuação”, conta o egresso.

O enfermeiro finaliza ao ressaltar que pretende se especializar cada vez e seguir atuando na área. “Esta residência está sendo a realização de um sonho. Sempre me vi na área da Urgência e Emergência e, pretendo permanecer na mesma. Quero, também, buscar me atualizar e aperfeiçoar a cada dia. Meu próximo passo pode ser um mestrado ou um doutorado”, conclui o residente.

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *