O curso de Odontologia da Funorte promoveu durante o mês de fevereiro estágio no Presídio Regional de Montes Claros. De acordo com a docente Renata Francine Rodrigues, está é uma parceria que acontece desde 2010 e atualmente esta etapa compreende parte da carga da disciplina de Urgência e Emergência do 8º período. ”O objetivo é trazer benefícios aos detentos que necessitam de assistência odontológica e possibilitar aos acadêmicos algumas experiências práticas com atendimentos e procedimentos tais como, como drenagem de abscessos, exodontias e alívios de dores de origem dental”, disse. Apesar de ocorrer a sete anos, existem algumas dificuldades, por se tratar de realidade diferente da que os estudantes estão acostumados. ”Talvez o maior empecilho é experimentar a novidade em um ambiente especifico com regime de segurança e protocolos bem definidos mas que garantem a segurança dos profissionais”, afirma.

Apesar disso, a docente garante que o estágio possui boa aceitação pelos alunos. ”Os acadêmicos têm aceitado muito bem e após a expectativa da visita inicial sempre saem animados e querendo retornar, pois, aqueles que vivenciam experiências “extramuros” da faculdade adquirem mais autonomia e são desenvolvidas habilidades superiores em função do tipo de atendimento que acontece nos presídios. Estes têm características mais urgentes e agudas em grau mais frequente do que acontece na clínica escola”, pondera.

A estagiária e estudante do 8° período, Mariane Alvarenga garante que tais ações contribuem para a construção do conhecimento. ”É muito importante pelo aprendizado. Além disso, estamos favorecendo uma condição de vida melhor aos detentos, por poder intervir nas condições de dor por eles apresentadas”, concluiu.

 Gabriel Mota

 

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *