Na manhã desta terça-feira, 05 de fevereiro, os coordenadores do curso de Farmácia Funorte, Felipe Alvarenga e Cléia Maria Almeida Prado foram convidados para entrevista no programa de rádio, “Show de Fred Silva”, 104,9 FM. Na programação, os profissionais falaram sobre a área e explicou sobre os diferenciais do curso da Funorte.

Felipe contou que a graduação possui um diploma generalista com um leque de várias áreas de atuação. “O curso de Farmácia na Funorte tem a durabilidade de 5 anos, são dez semestres, e o acadêmico vai ser preparado para trabalhar na habilitação de drogaria, manipulação, na área hospitalar, indústria e análises clínicas”, explicou.

O farmacêutico estuda a composição de medicamentos, cosméticos e alimentos industrializados e orienta o processo de fabricação. Segundo o coordenador, “o farmacêutico é um profissional que cuida do paciente, que se importa pelo medicamento, é o profissional habilitado para aquele acompanhamento farmacoterapêutico, dando todas as orientações corretas para saber se o medicamento está fazendo efeito, saber se o medicamento está causando algum dano impotencial, além de gerir as áreas hospitalares”. Ele ainda completa: “O farmacêutico não trabalha sozinho, ele deve estar inserido numa equipe, para que possa mostrar o seu diferencial, diante de um enfermeiro, médico, fisioterapeuta ou área nutricional. É um profissional versátil”, citou.

Em relação ao mercado de trabalho, o profissional pontuou que, “atualmente são mais de 76 áreas de atuação, sendo desde a área de manipulação de medicamentos, trabalho industrial, passando também pela estética, caso haja procedimentos que o farmacêutico pode executar”.

Durante a entrevista, os coordenadores explicaram qual a diferença entre medicamentos manipulados, genéricos e industrializados. “Os medicamentos genéricos são na verdade, a cópia daquele medicamento de marca, é o que chamamos de medi especialidade farmacêutica ou referência. Esses medicamentos são biossimilares (iguais), ou seja, se numa farmácia não tem nenhuma restrição para que possa comprar o medicamento genérico, pode-se tranquilamente substituir por aquele medicamento de referência. Já o medicamento manipulado, é aquele que possui uma dose individualizada, o médico prescreve um medicamento de acordo com a necessidade do paciente, descrevendo uma validade mais curta. Já os medicamentos industrializados, são aqueles fabricados em indústrias farmacêuticas e passam por um padrão de qualidade que permite que a validade  deles sejam mais extensas”, frisou os coordenadores.

A coordenadora Cleia Prado, em entrevista com a rádio deixou uma mensagem para aqueles que desejam cursar Farmácia. “Assim como a profissão farmacêutica me realizou, que me possibilitou muitos caminhos, eu desejo também isso a vocês. Que vocês venham fazer o curso de Farmácia na Funorte, e que seus sonhos sejam realizados. Atualmente, temos um contexto muito mais avançado e as possiblidades são maiores de quando cursei farmácia há 30 anos e, hoje, o horizonte é muito maior. Então, venha fazer farmácia para que você realmente seja um profissional de sucesso!”, concluiu a coordenadora.

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *