Enfermeira graduada pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), a coordenadora do curso Enfermagem da Funorte, Leila das Graças Siqueira, que também é especialista em Saúde da Família pela Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) e mestre em Saúde Pública pela Universidade Federal de Minas Gerias (UFMG) concluiu seu Doutorado em Ciências da Saúde pela Unimontes.

Há 10 anos trabalhando na instituição, Leila conta que para a escolha do seu tema de defesa do doutorado, ela realizou uma pesquisa referente a qualidade da assistência dos serviços de vacinação em relação a avaliação da estrutura e funcionamento das salas de vacina e da satisfação dos usuários, sob orientação das professoras Doutoras Andrea Maria Eleutério de Barros Limas e Raquel Conceição Ferreira.

“O objetivo do projeto consistiu em avaliar a qualidade da assistência aos serviços de vacinação localizados em Montes Claros/MG por meio da avaliação das salas de vacinas e pela satisfação dos usuários”, explica.

Leila fala que a escolha em fazer o doutorado na Unimontes ocorreu por meio de aprovação em processo seletivo no ano de 2012, onde elaborou um projeto de pesquisa na área de concentração em Saúde Coletiva dentro da linha de pesquisa: “Educação em Saúde, Avaliação de Programas e Serviços”.

O processo de construção da tese, de acordo com a coordenadora ocorreu durante o período de 4 anos, quando cursou créditos (disciplinas), elaborou projeto e desenvolveu pesquisa  e defendeu a tese.

“Ao realizar o doutoramento tive como intenção inicial a busca constante que todo docente deve ter em relação a produção do conhecimento científico orientado à  sua profissão e sua relação com os demais profissões, principalmente na área da saúde, onde, cada vez mais exige pesquisas que demonstram a  interação com os serviços de saúde e suas necessidades”, diz Leila que completa: “em relação a capacitação profissional, reforço que além de ampliar os processos de formação em Saúde por meio de pesquisas, principalmente, quando aborda uma situação problema para estudo que esteja  articulada  com os serviços de saúde,  atende também a uma expectativa pessoal  de aperfeiçoamento profissional que hoje é uma necessidade do mercado de trabalho”.

Leila finaliza afirmando a importância em se investir na pesquisa. “Somente por meio de pesquisa seremos capazes de promover um conhecimento produzido na universidade a serviço da comunidade, a fim de socializar as experiências enquanto docente e pesquisador”, conclui.

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *