Coordenador do curso de Gastronomia, Jonas Sacchetto, foi o convidado da manhã desta terça-feira, 26, no programa “Show de Fred Silva”, da rádio 104.9 FM. Em entrevista, o profissional contou sobre suas experiências, os diferenciais do curso de Gastronomia e um pouco mais das diversas culinárias.

Durante o programa, Jonas explanou sobre o funcionamento da graduação e expôs que o acadêmico deve possuir uma ótica mais abrangente para a profissão. “O curso tem uma titulação de tecnólogo, sua duração são de cinco períodos que equivale a dois anos e seis meses, com carga horária divida entre disciplinas teóricas e práticas. Vale ressaltar ao aluno interessado, que o curso forma gestores e não necessariamente cozinheiros, o chefe de cozinha, por exemplo, é uma das opções”, pontuou.

No que tange a infraestrutura dos laboratórios e suas atividades desenvolvidas, os acadêmicos se deparam com a praticidade em grande parte de sua graduação, como já evidenciado pelo profissional. “Contamos com laboratórios amplamente equipados, familiarizada como cozinha didática, em um ponto de vista de utensílios, equipamentos e espaço para que os alunos desenvolvam as disciplinas práticas” finalizou.

De acordo com Jonas, a afinidade com a cozinha é um dos pré-requisitos para o acadêmico poder se ingressar no curso de Gastronomia. “O interessado não precisa ter habilidades e nem gostar da cozinha, pois, uma vez graduado, estará capacitado não tão somente para atuar na cozinha”, destacou.

No final do programa, o profissional deixou uma mensagem para aqueles que sonham realizar a graduação.  “Se você tem uma mínima afinidade com a área, venha se apaixonar porque você entra com afinidade, acaba gostando e sai entusiasmado, não necessariamente pela cozinha, mas pelo segmento como um todo”, finalizou.

Marco Freitas

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *