O projeto Funorte Sustentável que teve o início das atividades no dia 08 de junho seguiu para mais uma etapa nesta quinta-feira (22). Com a participação de colaboradores e, desta vez, de alguns acadêmicos, a atitude sustentável foi o plantio de árvores no campus JK da Funorte.

A diretora administrativa do campus, Ana Paula Nascimento acompanha as atividades do projeto, que visa transformar a instituição em um ambiente sustentável e principalmente conscientizar a todos que passam pelo JK todos os dias. “Este projeto foi dividido em três etapas, a primeira foi a substituição dos copos descartáveis por copos de acrílico, agora, nessa segunda etapa, o plantio das mudas, para reflorestar o nosso ambiente, tendo em vista que o papel é uma das formas que mais degrada a natureza, por isso, estamos lançando os ecopontos, que será a coleta dos papéis em pontos estratégicos. Sendo assim, nosso objetivo é contribuir para a melhoria do meio ambiente, agindo de forma consciente e motivando o nosso corpo dirigente, demais colaboradores e alunos a terem uma mudança de hábitos”, explica.

A auxiliar de secretaria Amanda Francielle de Carvalho participou do plantio e diz que “essa atitude da instituição motiva a prática diária de novos costumes, sempre visando melhorar o meio em que vivemos”.

Todos os colaboradores se engajaram na atividade. Frederick Oliveira Sampaio, é colaborador do departamento de Tecnologia da Informação e para ele: “hoje foi um dia de muita reflexão acerca de como agimos em relação ao meio ambiente e das boas práticas de sustentabilidade no nosso cotidiano. Como seres humanos devemos estar cientes de que a nossa qualidade de vida depende única e exclusivamente das ações aplicadas à natureza. Sempre lembrando que se a tratarmos com zelo e capricho, colheremos bons resultados, mas se não dermos o devido valor, teremos em troca catástrofes e desastres ambientais”, completa.

Acadêmicos também participaram da ação. Estudante do 3º período de Odontologia, Alexandre Henrique Palhares Veloso, colaborou com o plantio. “É uma atividade importante para começar a incentivar a cada aluno a ter atitudes diferentes em relação ao meio ambiente”, diz.

Anna Louisa Narciso

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *