Na tarde desta segunda-feira, 5, alunos do 1º, 2º, 3º e 5º anos do Ímpar – Escola de Criança participaram da cerimônia de Formatura do PROERD – Programa Educacional de Resistência às Drogas – idealizado pela Polícia Militar de Minas Gerais. Fernanda Tavares Castilho, diretora do colégio, falou da importância do projeto e afirmou que a escola deve estar sempre de portas abertas para receber iniciativas como estas. “O PROERD vem para somar com a educação das nossas crianças e como educadores, temos a obrigação de abraçar intervenções que ajudem nossos alunos em tomadas de decisões almejando sempre escolhas positivas”, ponderou.
Cabo Alan, militar responsável por instruir e fomentar as disciplinas do PROERD, contou de que forma o trabalho foi realizado em sala de aula pra a obtenção de bons resultados. “Há alguns anos já desenvolvemos este projeto em parceria com o Ímpar. Usamos didáticas diferenciadas, sempre respeitando a idade de cada criança e, para isso, dividimos as dinâmicas de duas formas: uso de cartazes “problemas” e uso de situações reais das quais são trabalhadas uma melhor saída para cada uma delas. O nosso intuito principal é trabalhar valores que possam munir nossas crianças de futuros problemas com drogas, álcool e até mesmo com o bullying na escola. Sem dúvidas alcançamos mais uma vez esse objetivo,” conclui.
Os alunos participaram com entusiasmo de todo o protocolo de formatura e receberam o mascote, o leão Daren, símbolo do programa e prestigiaram os autores das três melhores redações. Luiza Maria, estudante do 5º ano, foi escolhida com um dos três melhores textos: “Fiquei surpresa ao ganhar este concurso, sem me esquecer do Cabo Alan, que muito nos ajudou e ensinou em sala de aula. Hoje sei o que fazer e como tomar uma decisão em situação de risco e agradeço também, ao apoio da Polícia Militar”, disse Luiza satisfeita com seu resultado.
Ingrid Neves

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *