No dia 26 de setembro, dentro da Jonafes 2017, diversas atividades foram promovidas no campus São Luís da Funorte para os acadêmicos dos cursos de Jornalismo, Pedagogia e Administração. Na abertura oficial nas áreas de Humanas e Sociais foi ministrada palestra com o tema: “Comunicação Eficiente X Marketing Pessoal”, com Jadson Rabelo, fonoaudiólogo e pedagogo, especialista em Educação Especial Inclusiva.

No segundo dia de Jonafes, os acadêmicos participaram de oficinas ministradas por profissionais convidados. Dentro das opções de minicursos estavam: Oficina de Oratória com Thalita Pimentel, Resolução de Questões de Raciocínio Lógico de Concursos Público com Paulo de Tarso Ramos, Grande Mídia em Debate Escolhas, Enquadramento, Contradições e Interesses em Jogo, com  Bráulio Quirino Siffert, Assessor e jornalista do IFNMG,  Oficina de Produção  de Textos,  com Ivana  Ferrante Rebelo, Oficina de  Novas Possibilidades do Jornalismo, a Produção de Notícias sobre Quadrinho, Músicas, Moda, Games, com Vanessa Araújo, Jornalista egressa da Funorte, dentre outras.

De acordo com os palestrantes, essa é uma oportunidade de enxergar a profissão de um jeito mais inovador. “Estou ministrando o curso “Novas possibilidades no Jornalismo”.  Trouxe novidades das redações dos jornais, TV, rádio, além de polícia, política, dentre outros. Podemos escrever sobre games, sobre moda, jornalismo erótico, o objetivo é abrir novos horizontes para descobrir essas possibilidades que o mercado possui e se tornarem profissionais mais criativos, chegando ao sucesso profissional”, explica Jornalista Vanessa Araújo, egressa da Funorte.

“Esse tema tem o objetivo de mostrar um lado útil da matemática para que as pessoas possam desmistificar e tirar esse mito de dificuldades que ela pode oferecer, além de criar uma interação entre professor e aluno possibilitando maior entendimento para as crianças e adultos, gerando uma sociedade mais feliz, algo que faz parte do dia a dia”, conta Mônica Mota Pimenta, docente de Pedagogia, especializada em Autismo e Educação Especial.

“É algo importantíssimo para crianças e principalmente para adultos porque permite aprendizado e desenvolvimento das crianças, cujo objetivo é motivar os acadêmicos do curso de Pedagogia em torno dessa ação de promover uma interação entres alunos e professores para que eles possam tornar motivador de sonhos para as crianças e adultos mais crentes em um mundo melhor”, diz Tatiany Danusa Pinto V. Gusmão, pedagoga.

Gabriele Santos

 

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *