Acadêmicos do 10° período do curso de Psicologia da Fasi realizarão no dia 21 de outubro, na Escola Estadual Dom Aristides Porto, a partir das 18h, ações do projeto social “Valorize-se”. Este projeto

faz parte de um trabalho de reconstrução da autoestima de mulheres. Participarão deste evento, colaboradoras, professoras e estudantes da escola, além da comunidade do entorno que se encontram em situação de vulnerabilidade social em função de fatores diversos. Esta será a segunda edição do projeto que oferecerá além de oficinas de embelezamento, música e zumba, atividades voltadas às crianças e uma palestra sobre acolhimento e a Lei Maria da Penha.

De acordo com a comissão organizadora, o evento busca também valorizar a “mulher mãe”, dando a ela o empoderamento de direito, dar encaminhamento de questões sócio psicológico, propiciar troca de experiências e ministrar palestras, oficinas e atividades direcionadas ao tema.

Como a violência contra a mulher, especialmente a chamada violência doméstica, em suas várias formas, vem assumindo proporções alarmantes em nossa sociedade, o projeto “Valorize-se” busca ir contra esta vertente, já que os mecanismos legais como a Lei Maria da Penha têm contribuído para o enfretamento de parte dos abusos violentos. “A grande maioria das mulheres que sofrem violência, principalmente nos estratos socioeconômicos desfavorecidos, não recorrem à Justiça, seja por desconhecimento de seus direitos, seja por medo e ameaças dos seus parceiros, ou por sentimentos de desvalia pessoal e de incapacidade de se defender e sobreviver economicamente”, afirma o acadêmico Patrick Leite.

 

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *