No último dia 17 de março foi realizada visita técnica ao viveiro de suculentas ornamentais “Bananas Terra Nova”, localizada na cidade de Nova Porteirinha, MG. As suculentas são um tipo de planta que retém muito líquido, por isso o nome. São típicas do continente africano, mas podem ser facilmente encontradas também no Brasil. A visita teve abordagem multidisciplinar e participação multicêntrica com graduandos em Farmácia (FASI), Ciências Biológicas (FASI e Unimontes) e ainda pós-graduandos em Biotecnologia nas Ciências Biológicas e da Saúde (Funorte). O evento foi promovido pelo Núcleo de Estudos em Plantas Medicinais (NEPM), cursos de Farmácia e Ciências Biológicas (FASI) e apoiados pelo Núcleo de Extensão (NEX) e Coordenação de Pós-graduação Lato Sensu (http://funorte.edu.br/curso/biotecnologia-nas-ciencias-biologicas-e-da-saude/).

Os estudantes entraram em contato com diversas técnicas de propagação vegetativa, bioprospecção e ecofisiologia de espécies nativas e exóticas de suculentas, incluindo-se gêneros como Aloe que engloba a espécie medicinal exótica Babosa (Aloe vera). O grupo foi recebido pela produtora e engenheira agrônoma Ângela Gontijo (www.suculentas.com.br) e pelos botânicos: doutor Marlon Câmara Machado (UEFS) e doutora Ariane Raquel Barbosa (UEFS), todos especialistas em suculentas. Os acadêmicos produziram vídeos e relatórios que foram divulgados em redes sociais das disciplinas Farmacobotânica (FASI), Biotecnologia Vegetal (Unimontes e Funorte) e Sistemática de Fanerógamas (FASI). Ao final da visita técnica ficou reconhecida a importância do cuidado com as questões ambientais e botânicas que são responsáveis pela megabiodiversidade brasileira, característica típica deste grupo de plantas.

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *